domingo, 17 de agosto de 2014

#1 Sobre Primeiros Beijos...

Hey galera, olha a coluna nova chegando no GeL \o/

A Sobre Primeiros Beijos surgiu inicialmente com a proposta de ser um mega post especial aqui no blog sobre primeiros beijos (por isso o nome e por falta de criatividade, sorry rs). Então comecei a montar uma coletânea de primeiros beijos literários - independente da beleza da cena, só precisava ser o primeiro beijo, porém estava ficando MUITO grande e a Michelli deu a ideia de criar essa coluna, então voilà, aqui estamos com a primeira edição da SPB \o/

Muitos podem se perguntar porque escolhi falar/separar/catar primeiros beijos pelos meus livros. A resposta é simples, eu acredito que não haja nada semelhante ao primeiro beijo de um casal - independente deles ficarem juntos no final ou não... por isso resolvi reunir essas cenas porque elas merecem ser destacadas!

A cada post vou colocar cinco quotes de primeiros beijos e espero que vocês apreciem ;)

play na música e entre no clima de romance...







"E Alexander não aguentava mais. Curvou-se perto de seu rosto e a beijou. Como ele imaginara, os lábios de Tatiana eram macios, jovens e cheios. Tremia o corpo inteiro de Tatiana enquanto ela o beijava com tamanha ternura, tamanha paixão, tamanha carência, que Alexander, sem querer, deu um pequeno gemido. Ele estava aturdido pelas mãos de Tatiana, que puxavam sua cabeça e não a soltavam."

Tatiana e Alexander - O Cavaleiro de Bronze

Confira a resenha aqui














"Uma das mãos dele já estava em seu rosto; ele levantou a outra. Aninhou o rosto de Karou, e então foi tranquilo e inevitável: os dois deslizaram um em direção ao outro. A boca de Akiva tocou a dela de leve. Um mergulho, um toque como um sussurro - um roçar muito, muito suave do lábio inferior dele sobre os de Karou em um ritmo ascendente, e depois havia espaço entre eles de novo, um espaço bem pequeno, seus rostos muito próximos. Eles respiraram a respiração um do outro enquanto uma força irresistível aumentava entre os dois, e em volta, e dentro deles, uma força astral, e então o espaço desapareceu mais uma vez, e tudo que havia era o beijo."

Karou e Akiva - Feita de fumaça e osso









“A rua está tomada, Nick me puxa para perto e abre aquele sorriso novamente, pega um único cacho dos meus cabelos entre dois dedos e os desliza até a ponta, puxando duas vezes, como se tocasse um sino. Seus cílios estão cobertos de açúcar, e antes de se inclinar ele limpa o açúcar dos meus lábios para poder sentir meu gosto.”

Amy e Nick – Garota Exemplar

Confira a resenha aqui













“Ela sentia-se oprimida. Essa era a unica razão que poderia justificar seus atos, sua fraqueza. Paxon virou a cabeça num movimento terrivelmente lento, e seus lábios encontraram os de Sebastian. Suas mãos foram parar nos cabelos dele e ela abriu os lábios. Ele não ofereceu resistência. Isso foi o que mais a surpreendeu. Depois de um momento de surpresa, Sebastian chegou a retribuir o beijo. Seu coração cantava.”

Paxon e Sebastian – O Pessegueiro

Confira a resenha aqui











“- Meu Deus, como você é bonito – deixo escapar e quero morrer, pois não consigo acreditar no que acabei de dizer em voz alta, e nem ele. Seu sorriso, enorme agora, bloqueia a passagem de todas as suas palavras. 
Para novamente. Acho que vai continuar a falar de Paris, mas não continua. Olho para ele. Sua expressão é tão séria quanto a de ontem à noite na mata.
- Lennie – sussura.
Olho em seus olhos sem tristeza e uma porta em meu coração se escancara.
E, quando nos beijamos, vejo que do outro lado da porta está o céu.”

Lennie e Joe – O céu está em todo lugar.




"Duvida da luz dos astros,
De que o sol tenha calor,
Duvida até da verdade,
Mas confia em meu amor." 
- Shakespeare




Espero que vocês tenham gostado e eu volto em breve com a coluna Sobre Primeiros Beijos...

Beijos o/